odontotop para aprovação
SEMEAR BANNER PRO SITE
BANNER 1 PC
Frame 1
ENTRE EM CONTATO (1)
MOBILE odontotop para aprovação
SEMEAR VERSAO MOBILE
ENTRE EM CONTATO (978 x 1282 px)
BANNER MOBILE 2
SEMEAR BANNER PRO SITE
MARCIO UCKER
cultura
amizade
ibi

NOTÍCIA

Exportações do agronegócio Brasileiro totalizam mais de 67 bilhões de dólares

As exportações brasileiras do agronegócio somaram mais de 67 bilhões de dólares entre janeiro e maio de 2024, conforme dados divulgados pelo Ministério da Agricultura e Pecuária. Apesar do volume expressivo, houve uma leve queda de 0,2% em comparação ao mesmo período do ano anterior.

Influência dos Preços no Exterior

Pedro Afonso Gomes, presidente do Conselho Regional de Economia do estado de São Paulo, atribui essa pequena redução à queda nos preços dos produtos brasileiros no mercado internacional. “A redução de preços no exterior impactou diretamente o valor total das exportações, mesmo com a manutenção ou aumento do volume exportado”, explicou Gomes.

Destaques Setoriais

O complexo sucroalcooleiro liderou as exportações do agronegócio, seguido pelo setor de carnes e pelos produtos florestais, que ocuparam a segunda e terceira posição, respectivamente. Enquanto o complexo de soja e as carnes enfrentaram desafios com a redução dos preços médios de exportação, os produtos florestais registraram uma elevação nos preços médios, contribuindo positivamente para o balanço geral.

Perspectivas Futuras

Fernando Iglesias, analista e consultor da SAFRAS & MERCADO, acredita que o Brasil continuará a ser um dos principais fornecedores de commodities agrícolas no cenário global nos próximos anos. “A desvalorização do câmbio brasileiro aumenta a competitividade dos nossos produtos no mercado internacional. Quanto mais desvalorizada é a moeda brasileira, mais competitivos se tornam os produtos exportados”, afirmou Iglesias.

Apesar da ligeira queda no valor total das exportações, o agronegócio brasileiro continua a desempenhar um papel crucial na economia do país. A diversificação dos produtos exportados e a competitividade proporcionada pela taxa de câmbio são fatores que devem sustentar o crescimento do setor nos próximos anos. A atenção às variações de preço no mercado internacional e a adaptação às demandas globais serão essenciais para manter a posição de destaque do Brasil no comércio agrícola mundial.

 

Fonte: Ministério da Agricultura e Pecuária, Conselho Regional de Economia do estado de São Paulo, SAFRAS & MERCADO.

450507482_1106641311009217_6593357681911827397_n
244214142_121223793605666_3201720004208988564_n

MAIS NOTÍCIAS