Educação

Educação no e do campo
17/05/2016date_range Redação Sistema EPUperson
Educação no e do campo

Fonte: Selbach

Os professores da rede municipal de ensino do município de Selbach, estiveram em encontro de formação na noite do dia 16 de maio. Na oportunidade o professor Venildo Turra, expôs ao grupo suas experiências com a pedagogia de alternância e a administração da Casa Familiar Rural (CFR) no município de Catuípe/RS. Também estiveram presentes os secretários municipais da Sáude, Assistência Social, Fazenda e Planejamento, Coordenadora da Agricultura, Emater, Cotrisoja, Presidentes dos CPMs e Conselhos Escolares.

O professor Turra falou dos objetivos das Casas Familiares Rurais (CFR): -Oferecer aos jovens rurais uma formação integral, adequada à sua realidade, que lhes permitam atuar, no futuro, como um profissional no meio rural, além de se tornarem homens e mulheres em condições de exercerem plenamente a cidadania. -Melhorar a qualidade de vida dos produtores rurais através da aplicação de conhecimentos técnicos-científicos organizados a partir dos conhecimentos familiares. -Fomentar no jovem rural o sentido de comunidade, vivência grupal e desenvolvimento do espírito associativo, e desenvolver a consciência de que é possível, através de técnicas de produção adequadas, de transformação de comercialização, viabilizar uma agricultura sustentável, sem agressão e prejuízos ao meio ambiente. -Desenvolver práticas capazes de organizar melhor as ações de saúde de nutrição e cultural das comunidades.

Sobre o funcionamento e metodologia, Turra relatou que a duração das atividades na CFR é de três anos, em regime de internato, com a adoção do método de alternância onde os jovens passam duas semanas na propriedade, no meio profissional rural, e uma semana na Casa Familiar Rural.

Os jovens das Casas Familiares Rurais desenvolvem a consciência crítica, a capacidade de entender melhor o mundo que o cerca, e passa a ser mais atuante dentro de sua família e das comunidades que vive.

Sendo o município essencialmente agrícola, a professora Hildegard Müller, Secretária de Educação, proporcionou este  encontro para reforçar junto aos professores que a importância da valorização do conhecimento e interesse dos nossos alunos, pois precisamos, repensar nossa metodologia de ensino para oferecermos suportes para que os jovens permaneçam no campo, disseminando conhecimentos agropecuários para pequenos produtores e melhorando a vida de muita gente.

 

Redação Sistema EPU
Publicado por Redação Sistema EPU

Editoria

Educação no e do campo

Veja Também

Enviando