Segunda-feira

Max. 30 ºC

Min. 10 ºC

Ver Mais

Notícias

Um sargento lutando pelo sonho de ser jogador profissional

10/01/2018

Um sargento lutando pelo sonho de ser jogador profissional
Foto:

Qual é o hora certa para largar tudo e partir em busca de um sonho? Para alguns esse momento nunca chega, enquanto outros abandonam mais cedo seus medos, e partem atrás de um ideal. 

Para o selbachense  Tcherlo Maldaner, 26 anos,  o dia chegou. Uma das figuras  mais carismáticas do futebol varzeano do Rio Grande do Sul, o jovem militar vai lutar agora por outra aspiração:  ser jogador profissional de futebol. 

A oportunidade de dar o primeiro passo surgiu a poucas semanas, quando uma proposta do Paracatu F.C. de Minas Gerais apareceu. O modesto clube do centro do país disputa o estadual pelo vizinho Distrito Federal, pois está filiado a Federação Brasiliense de Futebol. A capital federal fica mais próxima da cidade de Paracatu, onde fica a sede do time mineiro. 

A contar pelos números, o meia-atacante já coleciona conquistas. Em prêmios individuais de destaque da partida e craque do jogo são pelo menos 53 troféus, de todas as partes do estado. Em número de finais, Tcherlo ostenta 14 decisões no currículo. Títulos de campeão foram 7, ou 50% de aproveitamento. Quatro vezes em Selbach, e uma vez em Quinze de Novembro, Fortaleza dos Valos e Colorado. Os vice-campeonatos ele também lembrou onde foram: Selbach, Tapera, Fortaleza, Espumoso, Quinze de Novembro e Ibirubá.

‘’Vou chegar lá com a pré-temporada em andamento, sei que terei mais dificuldade que os companheiros que já estão treinando, mas a vontade é maior e vou trabalhar para recuperar o tempo perdido’’, falou Tcherlo.

Mas a fama de craque não vem apenas do futebol de campo. No futsal Tcherlo também é destaque, e joga em praticamente todos os campeonatos municipais da região do Alto Jacuí. São tantos que o sargento não conseguiu fechar a conta de títulos e prêmios,  sem contar a quantidade de gols marcados. Nas últimas três  temporadas o camisa 10 da SASE (Sociedade Atlética de Selbach) jogou futebol de salão no Estadual, Séries Bronze, Prata e Ouro, a primeira divisão do Rio Grande do Sul,  conhecida como Liga Gaúcha de Futsal.  

Por enquanto o futsal fica em segundo plano na carreira de Tcherlo, que parte para agora a realização de um objetivo pessoal: ser atleta profissional de futebol.

(Texto: Andrei Grave)

Comentários

Mais Notícias

Ver todas