Geral

Jurídico da Construtora Josué se manifesta sobre embargo da obra em Ibirubá.
25/06/2020date_range Redação Sistema EPUperson
 Jurídico da Construtora Josué se manifesta sobre embargo da obra em Ibirubá.

Fonte: Câmara de Vereadores de Ibirubá

Na noite de ontem (24), durante sessão da Câmara de Vereadores, o jurídico da Construtora Josué se manifestou sobre a paralisação da obra que prevê 21 andares, nas esquinas da Rua Flores da Cunha com a Rua Getúlio Vargas no centro de Ibirubá. A Construtora solicitou para a Câmara de Vereadores de Ibirubá, para que na última sessão solene, “tivesse o uso do espaço destinado a comunidade, a fim de participar usando a palavra em sessão plenária Ordi nária deste Poder Legislativo, para usar a Tribuna neste tempo Democrático previsto, para expor alguns problemas que têm enfrentado na aprovação do projeto da obra do edifício RIVIERA”, finalizou. 

Segundo ainda o requerimento, o empreendimento emprega 20 colaboradores residentes deste município; Mais 20 pessoas de empresas terceirizadas envolvidas indiretamente; Obra prevista para fazer 21 andares com 47 apartamentos e 07 salas comerciais, com investimento de mais de R$35.000.000,00(Trinta e Cinco Milhões de reais); Com previsão de arrecadação de ITBI em favor do Município de mais de R$800.000,00(Oitocentos mil reais); Com previsão de arrecadação de ISSQN de mais de R$1.000.000.00(Um Milhão de reais).

 Acompanhe no áudio o que o Advogado da empresa, Adroaldo Silveira falou em tribuna: 

Adroaldo Silveira

Redação Sistema EPU
Publicado por Redação Sistema EPU

Editoria

Jurídico da Construtora Josué se manifesta sobre embargo da obra em Ibirubá.

Veja Também

Enviando